Jardim Sumaré ganha Salão Comunitário



A Prefeitura de Maringá, por meio da Diretoria de Assuntos Comunitários, realizou nesta quinta, 13, a entrega do salão comunitário do Jardim Sumaré. Localizado na rua Pioneiro Bartolomeu Rodrigues, 299, o centro possui 135m² e capacidade para 120 pessoas. A estrutura conta ainda com seis ventiladores, bebedouro, banheiros com acessibilidade, cozinha, área de serviço e sistema de segurança contra incêndio. O investimento total foi de R$ 446.492,52.

Ficou bonito né?!”, disse o prefeito Ulisses Maia para a comunidade. “Agradeço a presença de todos e parabenizo todo o esforço que a equipe da associação tem pela comunidade. Que o espaço seja efetivamente um ponto de confraternização e fortalecimento de vínculos desta comunidade”, finalizou Maia.

Esse espaço físico está vindo em um bom momento para a comunidade. Sabemos que é uma reivindicação antiga e hoje vocês estão sendo contemplados. Nosso trabalho enquanto legislativo é batalhar para atender as demandas da comunidade. Parabéns a equipe da administração pela entrega do espaço”, disse o vereador, William Gentil.

Em nome da Associação, agradeço de forma especial aqueles que lutaram e foram atrás para a construção desse espaço. Já conseguimos uma professora para aulas de balé e estamos providenciando professor para aulas de zumba. Enfim, o salão estará disponível para a comunidade em eventos públicos e particulares”, disse o presidente da Associação dos Moradores do Jardim Sumaré, Júlio Almeida de Oliveira.

Uma apresentação especial com ‘Tercílio Men e Banda’ e ‘Projeto Som da Banda’, do Colégio Estadual Branca da Mota Fernandes, animou ainda mais a noite da comunidade do bairro, que teve também a presença do secretário de Cultura, Miguel Fernando, o secretário de Serviços Públicos, José Ângelo Salgueiro, diretores de estruturas municipais, convidados e comunidade do Jardim Sumaré e intermediações. A comunidade também pode desfrutar de brinquedos infláveis para as crianças e pipoca à vontade.

MELHORIAS
Para melhorar a qualidade dos 23 centros comunitários, a prefeitura já instalou 90 ventiladores e bebedores. O uso dos salões são disponibilizados a associações de moradores, culturais, desportivas, de assistência social e afins para a comunidade do bairro. A associação pode efetuar a locação do salão para atividades de interesse particular, com ou sem fins lucrativos, desde que não ultrapasse R$ 300 destinados a melhorias da entidade. As associações são responsáveis pelos serviços de manutenção dos salões para as boas condições de uso.
Share on Google Plus

About Agência de Noticia News

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário