Cai aprovação ao juiz Sérgio Moro, aponta pesquisa

Cai aprovação ao juiz Sérgio Moro, aponta pesquisa
Magistrado que é responsável pela Lava Jato em primeira
estância caiu sua aprovação.


pesquisa Barômetro Político Estadão-Ipsos deste mês avaliou a aprovação e desaprovação de 20 personalidades, do mundo político e judiciário, algumas delas pré-candidatas à presidência da República.

O levantamento é realizado mensalmente e que ouviu 1.200 pessoas, em 72 municípios do país, entre os dias 1º e 16 de fevereiro. A margem de erro do levantamento é de 3 pontos porcentuais.
Os números mostram que a aprovação do ex-presidente Lula caiu de 44% em janeiro para 42% em fevereiro. Já a desaprovação, no mesmo período, subiu de 54% em janeiro para 56% em fevereiro.
O petista, no entanto, tem aparecido em primeiro lugar, nas pesquisas de intenção de voto para as próximas eleições, e vence em todos os cenários.
O segundo lugar é ocupado pelo deputado Jair Bolsonaro, que na Ipsos apresentou aprovação de 24%, oscilação de três pontos para cima desde o levantamento anterior, e desaprovação de 58%.
Já Geraldo Alckmin, presidenciável tucano, é aprovado por 20% dos eleitores e reprovado por 68%. Os números se mantêm quase os mesmos, nos últimos três meses, segundo O Estado de S. Paulo.
O presidente Michel Temer também figura na lista e tem 4% de aprovação, contra 6% no mês passado. A desaprovação dele subiu de 92% para 93% entre janeiro e fevereiro.
Em relação às figuras do Judiciário, o juiz Sérgio Moro, responsável pela Lava Jato em primeira instância, aparece com uma aprovação de 39% em fevereiro, contra 46% em janeiro. A rejeição é de 43% em janeiro, e de 51% em fevereiro.
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lucia, também aparece no levantamento. Ela tem 49% de reprovação e 29% de aprovação, contra 43% e 24%, respectivamente, em janeiro.
Share on Google Plus

About Agência de Noticia News

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário