Ajudante em creche é morto por marido de professora

Ajudante em creche é morto por marido de professora
O suspeito fugiu

ajudante de uma creche particular foi morto baleado ao dar carona para uma das professoras da unidade, na tarde de segunda-feira (12), em Santo André (ABC). O marido dela é suspeito do crime.

Testemunhas afirmaram à polícia que Rafael Paz Siqueira, 26 anos, e a professora, que não teve a identidade revelada, estavam no Ford Escort azul dele, quando de repente o marido dela, da rua, começou a atirar na direção do jovem. Siqueira e o carro foram alvejados.
Ferido, o ajudante saiu do carro, foi até a escola Educandário Espírita Simão Pedro e pediu que abrissem o portão. Uma funcionária disse que Siqueira entrou ferido e sentou-se no chão.
De acordo com as testemunhas, um homem, que seria o marido da professora, pulou um muro da escola e continuou disparando contra Siqueira, que morreu no local. O suspeito fugiu. A polícia não disse quantos tiros atingiram o ajudante.
A polícia afirmou que a professora disse que o marido foi o autor dos tiros. Ela deu o endereço da casa do casal. No local, a polícia encontrou um carro aberto e uma arma calibre 32. A polícia não forneceu mais detalhes sobre o crime nem do relacionamento dos envolvidos. O caso foi registrado como homicídio simples e segue sob investigação no 5º DP de Santo André. Siqueira foi enterrado nesta terça, no Cemitério Jardim das Colinas em São Bernardo do Campo (ABC). 
Share on Google Plus

About Agência de Noticia News

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário