Ator mirim é alvo de racismo em rede social: 'Me calar, jamais'

O artista"prints" da imagem onde o perfil de um homem dizia
coisa como "eca"e "macaco sambando".
ator JP Rufino, de 15 anos, é a nova vítima de racismo nas redes sociais. Durante uma transmissão ao vivo em seu Instagram neste Carnaval, ele recebeu comentários agressivos de internautas, mas fez questão de se defender.

E durante sua transmissão ao vivo, do nada você recebe esse e por mim inabalável comentário, já que sou muito bem resolvido e bem preparado para qualquer tipo que seja a espécie de críticas ou 'maldades'", escreveu o ator, que fez "prints" da imagem onde o perfil de um homem dizia as mensagens "eca" e "macaco sambando".
"Primeiro: por ter sido educado a respeitar o próximo. Segundo: por ter sido educado a aceitar opinião alheia. Terceiro: por acreditar que existem e (muitas!!!) Pessoas do bem. Quarto: por ter a certeza que sou cercado pela grande maioria delas (pessoas do bem!!!). Quinto: por ter como princípios não agredir e nem denegrir ninguém. Sexto: por saber diferenciar o que é o bem! Sétimo: por não compactuar com o que é errado. Oitavo: por não acreditar que em meio de uma luta por um mundo melhor, ainda possam existir e insistir nesse tipo desnecessário de comparações e agressões. Nono: que não tenho nada contra o macaco e nem vejo motivos para tal graça. E por último... Que não poderia me calar...Deixar passar... tamanha falta de noção. Com todo respeito à sua pessoa...Mesmo com a sua falta de respeito à minha: Desnecessária e infeliz colocação. #SemMimimi  #RACISMOÉCRIME  #MECALARJAMAIS", escreveu o ator.
Fãs de JP, que estará no elenco de "Orgulho e Paixão", nova novela das 18h da Globo, o defenderam e mandaram várias mensagens de apoio. Algumas pessoas também chegaram a entrar no perfil que o atacou e mandar mensagens em tom de lição de moral, como "racistas não passarão" e "espero que você aprenda a ser uma pessoa melhor".
ARTISTAS CONTRA O RACISMO
Notícias ao Minuto
Taís Araújo, Lázaro Ramos, Glória Maria, Ludmilla, Maju Coutinho, Thiaguinho e até a bebê Titi, filha de Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso, foram recentemente vítimas de comentários racistas na internet. A lista só cresce. Mas no esforço de tentar conscientizar a população contra o racismo, os artistas estão cada vez mais se manifestando contra os ataques e inclusive tomando medidas judiciais.
Notícias ao Minuto
Neste domingo (18), outra vítima de racismo foi a funkeira mais querida do momento, MC Loma, também de 15 anos. Um perfil a chamou de "macaca" e também recebeu uma resposta à altura da funkeira. 
Share on Google Plus

About Agência de Noticia News

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários :

Postar um comentário