Doutor Camargo – Rejeitada cobrança de limpeza pública na conta de água

A ideia de incluir mais um imposto na conta de água do povo de Doutor Camargo fracassou. Para tentar impor mais essa taxa de limpeza pública, era necessária uma votação na câmara municipal onde os vereadores iriam autorizar a inclusão.

Quem perde é o prefeito que pretendia incluir mais essa cobrança, onde o cidadão teria que todo mês, quitar uma taxa de um serviço que não está sendo feita. Será que com esse novo pagamento, a limpeza da cidade seria realizada? Grande parte da população, não acredita.

O chefe do executivo, usou de um expediente de sacanagem e colocou o projeto que foi apresentado na noite de ontem, em regime de urgência, mas o clamor popular falou mais alto e os nobres vereadores, que ocupam um assento naquela casa legislativa reprovaram a atitude e votarão contrário, imprimindo uma derrota ao executivo.

Por outro lado, o presidente da câmara municipal, marcou uma reunião com os vereadores para tentar reverter a decisão e colocar o projeto que veio do executivo para uma nova votação, numa sessão extraordinária, onde quem paga esses custos é a população; uma vez que receberão por essa reunião como extra.

Segundo uma fonte, “acredito que não vai haver essa reunião. Os vereadores estão temendo uma ação da população camarguense.”


Compartilhar por Whatsapp

About Agência de Noticia News

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :

Postar um comentário