Em “dia histórico”, prefeito entrega primeira licença ambiental

terça-feira, 11 de abril de 2017
O prefeito Ulisses Maia entregou nesta segunda, 10, a primeira licença ambiental emitida pela Secretaria de Meio Ambiente e Bem-Estar Animal (Sema). Também foram entregues as primeiras autorizações de intervenção florestal para o reflorestamento, manejo de plantas exóticas e limpeza em Área de Preservação Permanente (fundo de vale).

O evento contou com a participação de secretários municipais, do vereador William Gentil, do chefe regional do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) em Maringá, José Roberto Behrend, servidores e dos requerentes da licença.

O secretário de Meio Ambiente, Jaime Dallagnol, ressaltou que o evento é um marco decisivo na história do município e destacou a importância da parceria com o Instituto Ambiental do Paraná (IAP). “Esses licenciamentos vão gerar recursos para o município desenvolver projetos em defesa ao meio ambiente. Nosso objetivo é dar agilidade e fazer com que o empresário seja bem atendido em um curto espaço de tempo. Agradeço especialmente o IAP por ter sido nosso orientador, como também nossa equipe formada por profissionais extremamente qualificados, direcionando da melhor forma possível esse processo”, disse.

O vereador Wiliam Gentil parabenizou o prefeito pela iniciativa, ressaltou a capacidade dos servidores do Meio Ambiente e lembrou que a Câmara Municipal está à disposição para promover ações em sintonia com a administração municipal.

O chefe regional do IAP, José Roberto Behrend, destacou que os empresários querem agilidade nos processos para dar sequência nos negócios, que geram recursos e empregos na região. “Atendemos 29 municípios e o licenciamento pela Sema auxiliará o IAP. Ao mesmo tempo que queremos dar celeridade ao processo, devemos manter o controle ambiental”, afirmou.

O prefeito Ulisses Maia lembrou que o “dia é histórico” e o licenciamento pelo município é mais um compromisso de campanha realizado. “Conseguimos trazer uma equipe para a Secretaria de Meio Ambiente ética e qualificada para desenvolver um grande trabalho. Enxugamos a máquina pública e estamos valorizando o servidor de carreira. Nesse ambiente, sem assédio moral, o servidor produz mais. O município já poderia ter iniciado o licenciamento, mas acreditamos que faltou boa vontade dos gestores. Essa licença desafogará o IAP, que tem um quadro reduzido de funcionários para atender vários municípios, possibilitando ao órgão ações em intervenções de grande impacto e com o rigor necessário na defesa ao meio ambiente”, afirmou.

A empresária do setor de confecções de Floriano, Cláudia da Silva, recebeu a primeira licença e destacou a agilidade da emissão. “Recebi minha licença em menos de uma semana, lembrando que não tive nenhum problema e fui bem atendida com os esclarecimentos necessários pela equipe da Sema”, lembrou.


Licenciamento

O licenciamento é necessário para empreendimentos que utilizem recursos ambientais e que possam causar degradação ao meio ambiente, como nas categorias de agricultura, pesca, indústrias, obras civis, empreendimentos de lazer e transporte.

Atendendo legislação federal que torna obrigatório o licenciamento pelos próprios municípios até 27 de agosto de 2017, a administração se estrutura e além de ter criado diretoria específica para o controle ambiental, promove capacitação de servidores e elabora normativas pela Sema com a participação da sociedade civil organizada.

Saiba mais
Mais informações sobre o licenciamento pelo telefone 3221-1266 (Sema).

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Copyright © 2016 todos os direitos reservados a Desenvolvido por Jonas Gonçalves.